logo-erb-brancoverm

Equipe paranaense se prepara para maior desafio do ano no rally brasileiro

Etapa de Erechim do Brasileiro de rally de velocidade terá ainda disputas pelos campeonatos Sul-americano e Gaúcho

erechim-malucelli

 

Erechim, no RS, recebe entre os dias 15 e 19 de maio a segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade. Esta é a prova mais importante do calendário nacional do esporte, pois, recebe também em disputa simultânea, etapas dos campeonatos Sul-americano e Brasileiro.

A equipe paranaense RT One (JMalucelli/Banco Paraná/Esthetic Car’s Detail) começa a projetar a disputa que deverá ter mais de 80 carros no grid. A bordo do Peugeot 207, o piloto de Curitiba, Ricardo Malucelli terá um importante aliado para a disputa em Erechim, já que seu navegador Giovani Bordin, reside na cidade gaúcha. “Com certeza a experiência do Giovani no Rally de Erechim vai ser um diferencial, pois ele mora lá e acompanha o esporte há muito tempo. Só precisamos nos concentrar mais que o normal e não perder o foco em nenhum momento. Como é uma corrida longa, vou estar com o carro praticamente zero e vamos manter um ritmo do inicio até o fim”, destaca Ricardo.

Para ele, a prova de Erechim merece uma preparação especial. “É o rally mais aguardado no ano. Estamos com o carro na fase final de montagem, pois na última corrida houve um desgaste muito grande do Peugeot 207. Mas com certeza vamos vir com um carro em prefeitas condições, pois confio no trabalho da equipe RT One. Ano passado não tive uma experiência boa no Rally de Erechim, pois tive um acidente no sábado e uma quebra mecânica no domingo. Mas esse ano espero um resultado melhor, até porque estamos treinando muito e cada vez mais a dupla está entrosada”, acrescenta o piloto.

Um novo campeonato em disputa

Acostumado às provas da Copa Peugeot, Ricardo Malucelli tem que se acostumar agora a um novo tipo de competição, por mais que siga sendo rally de velocidade. “A copa Peugeot foi minha porta de entrada no rally, é a primeira vez que estou fazendo o Brasileiro. Com certezas as provas do CBR são mais duras, longas e é preciso dosar muito o carro para poder chegar no final de cada corrida. O legal é que os mesmos concorrentes da Copa Peugeot estão no Brasileiro neste ano. Minha expectativa é que nesta temporada, cinco concorrentes vão brigar pelo o título, Rodrigo Melo, Dimas Pimenta, Marlon Gulin e Felipe Muller e todos estão num ritmo muito parecido, acredito que quem for mais constante e não rápido, vai levar o título”, enfatiza o piloto paranaense.

Ele e Giovani vem de uma vitória e um terceiro lugar na primeira rodada dupla do ano, disputa na cidade de Canela, também no RS. “O desempenho na prova de Canela foi dentro do esperado, sábado tivemos uma vitória com uma folga grande, mas no domingo nossos adversários escolherem o pneu de chuva, e a tática deles deu certo. Foi um aprendizado muito bom porque eu vinha de uma categoria que todos os pneus eram iguais. Espero não repetir mais esse erro nas próximas etapas, para Erechim já estamos indo com os dois tipos de pneu para uma escolha certa na hora da corrida”, encerra Ricardo.

Navegador da casa

Giovani Bordin tem se destacado nos últimos anos na função de navegador. Ao lado de Ricardo Malucelli nesta temporada, ele se mostra confiante para o ano e especialmente para esta próxima prova, que acontecerá, para ele, em casa. “Em relação ao Rally Internacional de Erechim, posso afirmar que temos uma das melhores provas da america, em termos de organização, segurança, uma prova que passa uma tranquilidade aos competidores e ao publico, um verdadeiro show”, aponta.

“Corro em Erechim desde 2008, isso me dá uma tranquilidade, pois conheço muito bem a região. Passar uma confiança ao Ricardo em uma prova grande como essa, será fundamental, já que o nível de nossa categoria é alto, qualquer fator positivo que venha a somar será de extrema importância”, conclui o navegador.

Edson Castro
PrimeComunicação
Foto: Edson Castro