Rally Erechim

Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade movimenta Cascavel com a modalidade na terra

37 carros largam para a 4ª etapa do campeonato de 2013 com uma prova no sábado e outra no domingo

cascavel-sexta-cba-580

As 9h30 deste sábado (28) 37 carros estarão alinhando para a 4ª etapa com a rodada dupla da 7ª e 8ª prova do Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade. Após o deslocamento dos concorrentes do Parque de Apoio montado no Autódromo Zilmar Beux, os carros largarão para a primeira Especial Taquaral 1 de 4,9 quilômetros de extensão. As outras duas especiais do dia são São Braz Faroeste com 16,2 quilômetros e a do Autódromo Sábado com 8,2 quilômetros com largada e chegada dentro da nova praça de corridas de Cascavel, uma atração a mais para o público. Neste mesmo sábado, os carros farão três passagens pelas três especiais com previsão para o término da jornada às 15h42 com o total de 87,9 quilômetros percorridos em trechos cronometrados.

No domingo, com início as 8h40, os concorrentes percorrem 63,15 quilômetros cronometrados, com três passagens pelas Especiais Serrinha 1, com 11,25 quilômetros e Autódromo Domingo com 9,8 quilômetros. O Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade retorna à cidade de Cascavel (PR), após oito anos, local onde tradicionalmente além de ter competições de esporte a motor no novo autódromo completamente reformado no ano passado, existe uma tradição de esporte na terra com clubes de jipeiros e rallyzeiros em geral. Com uma estratégia propositalmente pensada para o deslocamento do público, o Rally de Cascavel deverá ser uma das atrações principais da temporada em competições esportivas na cidade do oeste do Paraná com 305 mil habitantes. Por falta de competitividade é que não poderá se dizer que as duplas foram cautelosas no difícil piso de muito cascalho escolhido pelo Clube de Rally de Cascavel. Nas quatro categorias: 4×4, 4×2, 4×2 Super e 207 (monomarca Peugeot 207), a disputa pelo título está aberta faltando apenas duas etapas para o final da temporada e todos querem sair de Cascavel com boa vantagem para a prova final em Atibaia no dia 9 de novembro. Na 4×4 Ulysses Bertholdo/Marcelo Dalmut com o Mitsubishi Lancer EVO X lidera com 145 pontos e tem como principal rival a duplas Ilo Diehl/Eduardo Soneca com EVO X R4 com 94 pontos. Na 4×2 a briga é entre a dinâmica dupla de Erechim do GM Celta nº 45 Tiago Mocellin/ Vinicius Anziliero com 125 pontos e Toninho Genoin/ Sidnei Broering, dupla de Blumenau, com 118 pontos.

Na 4×2 Super na classificação de pilotos Luis Tedesco (SC) vem em primeiro com o Fiat Palio com 102 pontos contra 95 de Eduardo Barros (DF) – Peugeot 207 e 93 de Evandro Carbonera (RS), com Fiat Palio. Na mesma categoria, a classificação dos navegadores são Raphael Furtado (SC) com 117 pontos, Rodrigo Machado (RS) com 104 e Juliano Gracioli (RS) com 95. Na categoria Peugeot 207, com duplas também já alteradas, o piloto Dimas Pimenta de São Paulo aparece com 110 pontos, Marlon Goulin, também paulista com 102 e Ricardo Malucelli do Paraná com 79. Na classificação dos navegadores estão: Rodrigo Konig de São Paulo, 115pontos, Maicol Souza, também paulista 109 e Giovani Bordin do Paraná com 93.

Programação do Brasileiro de Rally de Velocidade em Cascavel

Sábado

08:00 – Abertura Secretaria de Prova
08:00 – Parque Fechado
09:00 – Largada Primeiro Carro
15:00 – Encerramento Especiais
17:00 – Parque Fechado
17:00 – Início Festa Pilotos e Organização
17:00 – Fechamento Secretaria de Prova

Domingo

08:00 – Abertura da Secretaria de Prova
09:00 – Início Especiais
14:00 – Encerramento Especiais
15:00 – Vistorias
15:30 – Rampa de Premiação

Dinho Leme Comunicação
Confederação Brasileira de Automobilismo
Foto: Edson Castro