Rally Erechim

Brasileiro de Rally de Velocidade começa em grande estilo em Canela

Com 47 duplas inscritas o Rally Montanhas de Canela marca a abertura do Brasileiro de Velocidade valendo também pelo certame gaúcho

canela-sexta-cba

15 de março de 2013 – O Rally Montanhas, realizado na cidade de Canela, na serra gaúcha, começa neste sábado (16), com a disputa das primeiras especiais. 47 duplas estão inscritas, sendo 37 delas para competir no Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade, e 29 no certame estadual da modalidade.

A animação é grande no Parque de Apoio montado nos jardins do Hotel Pampas da Serra, em Canela. “É um grande início para o rally brasileiro que merece o projeto que começa agora em 2013 com um bom grid, ações promocionais e TV aberta”, declarou o promotor Lincoln Duarte que junto com a CBA já está comemorando a largada de amanhã do Rally Montanhas. O promotor fechou com a RedeTV a exposição de 30 minutos do domingo posterior ao final de semana da prova.

Com a cerração que já caiu na tarde de sexta-feira, os competidores estão receosos com a possibilidade de chuva no terreno, que possui muitas pedras, curvas fechadas e subidas íngremes. O piloto Fábio Dall Agnol – companheiro do navegador Gabriel Morales – que estreia na categoria 4×4, espera uma prova difícil com o um grid “recheado de bons pilotos” e uma diferença grande dos 4×2 que ele pilotava até o ano passado, quando fechou com os títulos: da Copa Peugeot e da 4×2 Super. “Estamos acostumando aos poucos porque o 4×4 tem muito mais velocidade nas subidas e necessita de mais atenção” lembra Dall Agnol.

Já para os pilotos dos carros com tração 4×2, o receio é o piso depois que os nove 4×4 que largarão na frente deixarão para eles. As trilhas abertas no reconhecimento de sexta-feira vão ficar com as pedras soltas. “Vamos sofrer bastante com as pedras deixadas pelos 4×4 e o risco de ter um pneu furado é grande. O trecho parece muito com o de Pomerode”, conta o navegador Thiago Osternack que faz dupla com o piloto Jean Pimentel no Peugeot 206 na categoria 4×2.

Andando na 4×2 Super com um Fiat Palio, Luís Tedesco e Rafael Furtado estão confiantes na disputa com mais quatro carros na mesma categoria. “Nossos carros tem preparação de motor e câmbio e diferencial autoblocante o que nos traz uma potência de perto de 30 cavalos a mais do que outros 4×2”, explica Tedesco.

Na categoria 4×4 a competição entre nove carros está animada e acirrada. Pelo menos oito deles são modelos novos, sendo seis Mitsubishi Lancer, dois protótipos XRC e um Gol Maxi Rally. O preparador Francisco Abadia, argentino radicado em Florianópolis vê uma competição forte entre os carros tracionados nas quatro rodas. Os dois carros preparados por Abadia, os Lancer das duplas Juliano e Rafael Sartori e Julio Romi e Eduardo Tonial já estão prontos para largarem no sábado na segunda e quarta posições respectivamente. “A disputa vai ser grande, Os carros estão muito fortes e os mais antigos tiveram o restritor de ar aumentado com ganho de potência”, lembra o respeitado preparador Abadia.

Neste sábado, a partir das 8h, o primeiro carro da competição deixará o Parque de Apoio. A largada acontece às 8h40min. Confira a programação completa do Rally Montanhas de Canela:

Sábado – 16 de Março de 2013
8h00min – Saída Primeiro Carro do Parque de Apoio –
8h40min – largada do primeiro carro
16h20min – entrada do primeiro carro no Parque de Apoio,
20h00min – Divulgação Ordem de Largada Dia 2

Domingo – 17 de Março de 2013
7h40min – Saída Primeiro Carro do Parque de Apoio – Dia 2
13h00min – Final do Rally Montanhas

Dinho Leme Comunicação
Imprensa
Confederação Brasileira de Automobilismo
Foto: Edson Castro