logo-erb-brancoverm

Bertholdo e Dalmut vivem extremos no Rally Rio Negrinho e mantém a ponta da tabela no Campeonato Brasileiro

Dupla vence uma das duas corridas da terceira etapa do Nacional

A maior corrida do ano no Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade, em Rio Negrinho, SC, no último final de semana, teve um misto de comemoração e frustração para a dupla gaúcha Ulysses Bertholdo e Marcelo Dalmut.

A terceira etapa teve duas corridas, uma no sábado, 25 e outra no domingo, 26. No primeiro dia, Ulysses e Marcelo venceram a categoria Rally 2 – 4×4 e ainda garantiram o ponto extra da Power Stage. Já era suficiente para manter a liderança do Campeonato na categoria, chegando aos 50 pontos e 100% de aproveitamento até aqui.

Mas ainda no sábado, a equipe identificou um super aquecimento de temperatura do Mitsubishi Lancer e no domingo voltou a enfrentar problemas com o motor do carro, forçando o abandono precoce da etapa.

A dupla destacou que o final de semana acabou tendo um saldo positivo, com a manutenção da liderança do certame nacional, mas lamentou o fato de não poder largar para o segundo dia. “Foi um rally bastante difícil, complicado, longo e cabe a nós celebrar esta pontuação que nos permite manter a liderança”, completou Ulysses.

A dupla agora voltará as atenções para Panambi/RS, na terceira etapa do Gaúcho, no dia 16 de outubro e logo após, Pomerode/SC, para a quarta prova do Brasileiro.

O projeto Acsa Rally 4×4 compete nos campeonatos Brasileiro e Gaúcho de rally de velocidade com o apoio da Yokohama e Arquivar, patrocínio Planeta Água, Doce Doce e Mundial Foods, com financiamento pelo PróEsporte RS – Lei de Incentivo ao Esporte.

Classificação do Campeonato Brasileiro após a terceira etapa:

Categoria Rally 2 – 4×4

1 – Ulysses Bertholdo/Marcelo Dalmut – Mitsubishi Lancer – 50p
2 – Juliano Sartori/Rafael Sartori – VW Polo MR – 35p
3 – Claudio Rossi/Eduardo Tonial – Mitsubishi Lancer – 31p
4 – Leonardo Zettel/Fred Zettel – Peugeot 207 XRC – 12p
5 – Alexandre Horn/Gilson Yoshimura – Mitsubishi Lancer – 9p
6 – Milton Pagliosa/Vinicius Anzieliro – Mitsubishi Lancer – 6p
7 – Julio Romi/Murilo Spironelo – Mitsubishi Lancer – 5p
8 – Alexandre Figueredo/Vinicius Zavieruck – Citreon DS3 MR – 4p

Categoria Rally 4 – 4×2

Pilotos

1 – Rafael Tulio – Peugeot 207 – 38p
2 – Maurício Neves – VW Gol – 27p
3 – Luigi Contin – Renault Clio – 20p
4 – Carlos Celuppi – Peugeot 207 – 19p
5 – Marcos Tokarski – Peugeot 207 – 18p
6 – Carminatti – GM Celta – 14p
7 – Marcos Valandro – VW Gol – 9p
8 – Romina Romi – Peugeot 206 – 7p
8 – Emerson Cavassin – Peugeot 207 – 7p
10 – Sandro Suptitz – VW Gol – 6p
11 – Maurício Jarozeski – VW Gol – 4p
12 – Fernando Solimann – Ford KA – 3p

Navegadores

1 – Sandro Maestreli – 30p
2 – Leandro Ferrarini– 27p
3 – João Remor – 23p
4 – Federico Rodriguez – 20p
5 – Rodrigo Vicari – 18p
6 – Marco Marini – 14p
7 – Dário Driessen – 9p
8 – Lucivane Balena – 7p
8 – Thiago Osternack – 7p
10 – Bruna Giaretta – 6p
11 – Cassio Navarini – 3p

Categoria Rally 5 – 4×2

1 – Evandro Carbonera/Juliano Gracioli – Peugeot 207 – 41p
2 – Tiago Klimaczewski/Felipe Klimaczewski – Fiat Palio – 35p
3 – Luciano Fleck/Gilson Rocha – VW UP TSi – 30p
4 – Claudio Sarginieski/Mateus Perin – Fiat Palio – 15p
4 – Elton Palkewich/Cassio Navarini – Fiat Palio – 15p
6 – Andrey Karpinski/Murilo Hekave – Peugeot 206 – 13p
6 – Victor Corrêa/Maicol Souza – Peugeot 207 – 13p
8 – André Krueger/Luis Villar – Peugeot 207 – 12p
8 – Luciano Américo/Marcio Ruckl – Peugeot 206 – 12p
10 – Marcos Debien/Enrico Aquino – VW UP TSi – 11p
11 – Vitor Boff/Rafael Lodea – Peugeot 206 – 5p
12 – Rangel Segatti/Leandro Picoli – GM Celta – 2p
13 – Rodrigo de Jesus/Giulian Telma – Peugeot 206 – 1p
13 – Pérci Hultmann/Juliano Zerbinato – Peugeot 207 – 1p

(*) Classificação extra-oficial

Calendário do Brasileiro de Rally 2021

01/07 e 01/08 – Araucária/PR
04 e 05/09 – Estação/RS
25 e 26/09 – Rio Negrinho/SC
30 e 31/10 – Pomerode/SC
26 a 28/11 – Piraquara/PR
17 a 19/12 – Erechim/RS

Texto e foto: Edson Castro
Prime Comunicação