Search
Close this search box.

Sertões: Furo de pneu impede maior avanço de Baumgart/Andreotti

Dupla do Ford Ranger 4x4 #316 colocava mais de um minuto de vantagem sobre Spinelli/Haddad, quando tiveram de parar para trocar um pneu. Mesmo assim, piloto e navegador do X Rally Team/NWM terminou a maratona da quinta etapa em segundo

 
28/08 – 5ª etapa – São Francisco (MG)/Diamantina (MG)
MARATONA
Deslocamento inicial: 223,57 km
Trecho especial: 335,98 km
Deslocamento final: 81 km
Total do dia: 718 km

O Ford Ranger 4×4 da dupla Cristian Baumgart/Beco Andreotti, do X Rally Team/NWM, fez os 336 quilômetros da especial desta quinta-feira (28), na etapa maratona do Rally dos Sertões, em ritmo alucinante e se encaminhava para ser o vencedor da quinta etapa. Um pneu furado, no entanto, tornou um pouco menores os ganhos do #316 na prova de hoje.

“Nosso ritmo estava absurdamente forte. Já tínhamos colocado cerca de 45 segundos sobre o carro imediatamente à nossa frente e acho que estávamos em uma tocada para vencer a etapa. No entanto, na metade da especial, acertei uma pedra em um trecho muito estreito e sinuoso e isso acabou furando o pneu traseiro esquerdo. Trocamos rapidamente, mas aí tivemos que acelerar tudo de novo para recuperar esse ‘pit-stop’ não planejado”, explicou Cristian, que ainda assim superou o Mitsubishi ASX de Guilherme Spinelli/Youssef Haddad para terminar a maratona na segunda posição, a apenas 1min18s do tempo dos vencedores do dia, Reinaldo Varela/Gustavo Gugelmin (Toyota Hilux). No acumulado, apenas 20 segundos separam Varela/Gugelmin de Baumgart/Andreotti.

Após a etapa maratona, os carros são “guardados” ao parque fechado, e qualquer assistência externa da equipe é proibida. Somente piloto e navegador têm um tempo permitido pelo regulamento para qualquer tipo de manutenção nos veículos.

Para a dupla do #303, a etapa maratona representou praticamente o final de suas chances no Rally dos Sertões. Quando também imprimia um ritmo forte e diminuía a distância que o separava dos líderes, o Ford Ranger de Marcos Baumgart/Kleber Cincea parou no quilômetro 120 da especial com o eixo-piloto do câmbio, impossibilitando a troca de marchas.

“Ouvi um barulho e aí, quando engatava da terceira para a quarta, sentimos só o giro do motor subindo, sem transmitir força para as rodas. Paramos o carro, com o motor funcionando, e detectamos o problema. Fora isso não havia nada de errado, mas o problema não permitia que o carro sequer saísse do lugar”, lamentou Marcos. “Uma pena, porque estávamos nos aproximando dos líderes e nosso ritmo era excelente”, destacou.

A equipe X Rally Team/NWM trabalhará na troca do câmbio do carro #303 para que ele volte à prova na sexta etapa amanhã (29), embora com uma grande penalização imposta pelo regulamento da maratona, já que o carro receberá auxílio externo. A etapa do “laço” mantém os times em Diamantina, e os competidores completarão mais 213 quilômetros nesta quinta-feira (29), 160 de especiais.

Confira os tempos da quinta etapa (cat. T1 FIA)
1-) Reinaldo Varela/Gustavo Gugelmin (Toyota Hilux) – 4h25min11s
2-) Cristian Baumgart/Beco Andreotti (Ford Ranger) – 4h26min30s (-1min18s)
3-) Guilherme Spinelli/Youssef Haddad (Mitsubishi ASX) – 4h28min09s (-2min57s)
Marcos Baumgart/Kleber Cincea (Ford Ranger) – não completou

GERAL ACUMULADO (T1 FIA):
1-) Guilherme Spinelli/Youssef Haddad (Mitsubishi ASX) – 13h38min36s
2-) Reinaldo Varela/Gustavo Gugelmin (Toyota Hilux) – 13h42min40s (-4min04s)
3-) Cristian Baumgart/Beco Andreotti (Ford Ranger) – 13h43min00s (-4min24s)
4-) Marcos Baumgart/Kleber Cincea (Ford Ranger) – 9h21min53s

Para baixar mais fotos da equipe X Rally team, acesse:
Carro #303 e
Carro #316
Créditos: WEBVENTURE

Confira as etapas restantes do Rally dos Sertões 2014:

29/08 – 6ª etapa – Diamantina (MG)/Diamantina (MG)
Deslocamento inicial: 23 km
Trecho especial: 159 km
Deslocamento final: 30 km
Total do dia: 213 km

30/08 – 7ª etapa – Diamantina (MG)/Belo Horizonte (MG)
Deslocamento inicial: 59 km
Trecho especial: 125 km
Deslocamento final: 146 km
Total do dia: 331 km
Total do Rally: 2.684 km

A equipe X Rally Team é patrocinada por Center Norte e Vedacit, com apoios da Ford, Arai, e GoPro

Conheça a equipe em: www.xrallyteam.com.br

Siga-a no Twitter: @X_Rally_Team

E também no Instagram: @xrallyteam

P1 Media Relations
CLEBER BERNUCI, jornalista responsável
Foto: Victor Eleutério/Webventure