Rally Erechim

A Mem Motorsport leva sua formação completa para o Rally dos Bandeirantes

Marcos Moraes e Du Sachs juntam-se a Lucas Moraes e Beco Andreotti na reta final da temporada

bandeirantes-mem

Sexta-feira, dia 11 de outubro de 2013 – O Rally dos Bandeirantes chega a sua 11ª edição consolidando a qualidade de um rally com 300 quilômetros de trechos que prometem ser sinuosos, em piso de terra batida com cascalho, desbravadores de regiões montanhosas e plantações de eucalipto. Mas, não pense que somente estas caracteristicas descrevem o nível de dificuldade desta prova, porque a navegação também requer atenções especiais e as novidades desta edição objetivam elevar ainda mais a competitividade dentre os melhores times do Brasil.

Marcos e Du
Eles continuam priorizando a disputa pelo título mundial, onde estão em 3º lugar na categoria T2. No Brasil e de volta à protótipo, querem acelerar forte, matar a saudade do T-REX( carro com personalidade e estilo bem próprios) e sacudir a pontuação a favor da MEM. “Estamos em 5º lugar na classificação do brasileiro, mas estar no grid em uma competição repleta de amigos e ótimos times só nos motiva a também entrar na turma que vai largar de olho na vitória. Estamos prontos para cumprir as últimas 3 etapas do campeonato brasileiro e queremos buscar um tricampeonato para a MEM, com Lucas e Beco campeões”, comenta Marcos

Lucas e Beco
Eles eram líderes na corrida pelo titulo deste ano até a etapa passada. Agora, por apenas um ponto de diferença, Lucas Moraes esta em 2º lugar dentre os pilotos da protótipo. E ele não quer saber de papo, só de recuperar a posição de líder. “Começamos o ano com três vitórias seguidas, mas o João foi muito bem no Sertões e assumiu a liderança do campeonato. Agora o foco é finalizar a temporada como começamos, ganhando as três últimas provas”, avisa Lucas.

Dentre os navegadores, Beco Andreotti continua líder disparado.

E o que mais?
Superprime, São José dos Campos e um roteiro inédito de 275 quilômetros. No primeiro dia serão duas especiais de 75 quilômetros (total de 150 quilômetros) com as ditas plantações de eucalipto, piso de terra batida, cascalho e poucas erosões. A navegação vai ser exigente porque o eucaliptal oferece várias estradas e muitas possibilidades de direção. Já no segundo dia, serão 115 quilômetros, que cruzarão estradas, regiões de serra e áreas montanhosas. O Rally dos Bandeirantes acontece de 11 a 13 de outubro. Nesta sexta-feira, vistorias e superprime completam a programação.

Para mais informações sobre a prova acesse: www.rallydosbandeirantes.com.br

Confira a pontuação do Brasileiro – categoria protótipo

Pilotos
1ºJoão Cardoso – 72 pts
2º Lucas Moraes – 71 pts
3º Davison Rabechi – 36 pts
4º Kléver Kolberg – 34 pts
5º Marcos Moraes – 30 pts

Navegadores
1º Beco Andreotti – 67 pts
2º Emerson Cavassin – 46 pts
3º Flávio França – 35 pts
4º Glauber Fountoura – 33 pts
5º Sidinei Broering – 28 pts

Para o final da temporada 3 provas pontuarão como 5 etapas. No Rally dos Bandeirantes, a pontuação vale como uma única etapa. O Rally das Serras vale por 3 e por fim, mais uma no Rally dos Amigos.
   
Zarhi El Malek
Foto: Marcelo Machado