Rally Erechim

Rally dos Bandeirantes: técnica, velocidade e disputas acirradas

A RallySP está empenhada na organização do 11º Rally dos Bandeirantes. Diversas novidades e desafios diferentes surpreenderão as equipes do rally cross country entre 11 e 13 de outrubro

bandeirantes-tecnica-580

24 de setembro de 2013 – Faltam 18 dias para o Rally dos Bandeirantes alcançar a sua 11ª edição, e um grande evento está por vir. A primeira novidade é a estreia da cidade de São José dos Campos, SP, como sede da competição. A segunda é a realização de um Super Prime… Toda a concentração será no Parque da Cidade, localizado na Av. Olívio Gomes, 100. E não pára por aí…

Um roteiro inédito de 275 quilômetros percorrerá as cidades de Taubaté, Caçapava Velha e São Francisco Xavier. De acordo com o diretor de prova, Deco Muniz, no primeiro dia serão duas especiais de 75 quilômetros (total de 150 quilômetros) que adentrarão plantações de eucalipto, com piso de terra batida, cascalho e poucas erosões. Haverá muita navegação, uma vez que dentro do eucaliptal existem inúmeras estradas, levando a diversas mudanças de direção na planilha.

“Nossa expectativa é enorme, pois esse ano o Rally dos Bandeirantes promete ficar ainda melhor. Todas essas novidades nos deixam empolgados para competir. Fizemos algumas alterações no nosso veículo e queremos acelerar forte”, declarou o piloto Maurício Bartolanza, que ao lado do irmão e navegador Gustavo, brigará pelo pódio da categoria carros.

Outro importante passo é a inserção de três novas categorias: motos, quadriciclos e UTVs, sendo que este ano o certame servirá como etapa homologatória para a CBM – Confederação Brasileira de Motociclismo. Porém, já valerá pontos pela 4ª etapa do Campeonato Paulista, supervisionado pela FPM – Federação Paulista de Motociclismo. “Esta iniciativa é positiva, porque dará grandeza ao grid, opinou o piloto Leandro Torres, que conta com a navegação de Idali Bossi Filho.

O segundo dia terá 115 quilômetros, passando por estradas públicas, regiões de serra e mais trechos em fazendas de eucalipto. Nas áreas montanhosas, o traçado é bastante sinuoso, com subidas e descidas que apresentarão variação de altitude. “No geral, estimo que os competidores alcançarão uma velocidade máxima de 150 km/h. Estamos caprichando no levantamento e estruturação do 11º Rally dos Bandeirantes, para que todos saiam bem satisfeitos do evento. Esperamos uma disputa extremamente acirrada pelo título”, encerrou Muniz.

Para obter mais informações sobre o 11º Rally dos Bandeirantes, acesse: www.rallybandeirantes.com.br.

O 11º Rally dos Bandeirantes tem apoio da Prefeitura Municipal de São José dos Campos, Secretaria de Turismo, Secretaria de Esportes e Lazer, Subprefeitura de São Francisco Xavier, Prefeitura Municipal de Taubaté, Atus – Associação de Turismo Sustentável de São Francisco Xavier, Grupo Band Vale Rádio & TV

Liberdade de Ideias
Isis Moretti – Mtb: 36.471
Foto: Márcio Machado