Sport Car Rally Team terá dois carros no 21º Rally dos Sertões

Equipe da Bahia compete pela segunda vez no principal evento off-road do País, que terá primeira de dez etapas, no dia 25 de julho, em Goiânia (GO)

sertoes-antes-sportcar

12 de julho de 2013 – Desta vez a equipe ganhou um reforço a mais e fez algumas modificações na configuração do quadro dos componentes na segunda maior competição cross country do planeta, no 21º Rally Internacional dos Sertões, atrás apenas do lendário Dakar. A equipe baiana situada na cidade de Luís Eduardo Magalhães, no ano passado, tinha Cristiano Antônio Rocha como navegador no modelo Mitsubishi Pajero TR-4, mas para a edição 2013 será o piloto e, Rodrigo Cardoso, assumiu a posição no comando, como chefe de equipe. Sendo assim, Anderson Cleiton Geraldi será o companheiro de Cristiano no cockpit para a navegação, de 25 de julho a 03 de agosto, com largada e chegada em Goiânia (GO).

Apesar da pouco mais de um ano de experiência em competições no rally de velocidade cross country, já que só participou da temporada 2012 do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country e do Sertões, Cristiano Rocha está otimista que o time conseguirá alcançar o objetivo traçado. “Nós gostamos do desempenho da TR-4 no rally do ano passado, e ficamos com confiança neste modelo, porque é um carro original de fábrica onde não tem adaptações mecânicas a serem testadas em prova. Pelo histórico deste veículo sabemos que não é um carro veloz e com potência, mas é constante e forte em relação às quebras. Os trechos de areião serão pesados, o grande desafio será andarmos no reduzido com a TR4 para obter melhor resultado”, enfatiza o piloto Cristiano Rocha.

Cristiano e Anderson estão inscritos na categoria Production. “Achamos que será uma prova onde todo o conjunto, desde carro, piloto, navegador e equipe cada um terá sua grande importância, se um falhar coloca tudo em risco. Outro fator é a navegação, tem que ser perfeita para não danificar o equipamento”, completa Anderson Geraldi.

DUPLA ESTREANTE

Mais surpresas na Sport Car Rally Team, José Silmar Nogueira e Alyson Clever Antunes, se juntam a equipe e enfrentarão pela primeira vez os 10 dias de provas no 21º Rally Internacional dos Sertões. A dupla está inscrita pela categoria Pró Brasil, com o veículo Sherpa. “O carro foi todo refeito. Trocamos o sistema de suspensão, inclusive amortecedores novos da marca baratec, o motor foi remapeado para ganhar mais potência e torque. Foram realizadas também várias outras mudanças, visando o reforço do carro para esta competição”, contou o piloto. “O sistema de freio é a disco nas quatro rodas e os pneus são BF Goodrich”, destacou Silmar Nogueira.

Silmar e Alyson aprovaram o percurso que será inédito para a dupla. “Muito bom, pois este ano está bem mais próximo para todos os competidores”, disse. “Nunca participamos juntos e é meu primeiro sertões. O melhor até hoje já levantado. O nosso carro é forte e tem uma suspenção muito indicada para o roteiro desse ano. O Sherpa teve o motor trabalhado para mais durabilidade, a suspenção para ser mais confiável e a cabine melhorada para dar um pouco mais de conforto”, garantiu o navegador Alyson.

As duplas e a equipe Sport Car Rally Team finalizam a preparação dos carros e ajustes finais na carreta oficina e dormitório para partirem em direção à Goiânia no dia 21 de julho.

A dupla da Sport Car Rally Team recebe o apoio da Semear Agrícola, Cheminova, Stoller, UPL, Nufarm, Helm, Parafuso & Cia, E. A. S. Serviços, Grupo Porto Brasil, Accert Transportes e Logística e Sementes Oilema.

Programação do 21º Rally dos Sertões:

Goiânia (GO)
22/07 – Abertura da Secretaria de Prova
23/07 – Secretaria de Prova / Vistorias administrativas e técnicas
24/07 – Secretaria de Prova / Vistorias administrativas, técnicas e briefings

1ª etapa: 25/07 – quinta-feira
Goiânia (GO) – Prólogo e Super Prime

2ª etapa: 26/07, sexta-feira
Goiânia (GO) – Pirenópolis (GO)
Deslocamento Inicial: 133 km
Trecho de Especial: 84 km
Deslocamento Final: 32 km
TOTAL: 249 km

3ª etapa: 27/07, sábado
Pirenópolis (GO) – Uruaçu (GO)
DI: 37 km
TE: 287 km (183 km para caminhões)
DF: 89 km
TOTAL: 414 km

4ª etapa: 28/07, domingo
Uruaçu (GO) – Porangatu (GO)
DI: 31 km
TE: 233 km (180 km para caminhões)
DF: 25 km
TOTAL: 289 km

5ª etapa: 29/07, segunda-feira
Porangatu (GO) – Natividade (TO) [ETAPA MARATONA]DI: 82 km
TE: 295 km (135 km para caminhões)
DF: 110 km
TOTAL 487 km

6ª etapa: 30/07, terça-feira
Natividade ((TO) – Palmas (TO)
DI: 27 km
TE: 355 km (182 km para caminhões)
DF: 43 km
TOTAL: 424 km

7ª etapa: 31/07, quarta-feira
Palmas (TO) – Palmas (TO)
DI: 109 km
TE: 514 km (142 km para caminhões)
DF: 123 km
TOTAL: 746 km

8ª etapa: 01/08, quinta-feira
Palmas (TO) – Minaçu (GO)
DI: 312 km
TE: 333 km (258 km para caminhões)
DF: 20 km
TOTAL: 666 km

9ª etapa, 02/08, sexta-feira
Minaçu (GO) – Goianésia (GO)
DI: 32 km
TE: 264 km (231 km para caminhões)
DF: 253 km
TOTAL: 550 km

10ª etapa, 03/08, sábado (Final)
Goianésia (GO) – Goiânia (GO)
DI: 7 km
TE: 123 km
DF: 160 km
TOTAL: 290 km
Premiação

SIG Comunicação – Silvana Grezzana Santos
Foto: Theo Ribeiro