Equipe Mitsubishi Petrobras inicia contagem regressiva para o Rally dos Sertões

Guilherme Spinelli e Youssef Haddad encaram a mais desafiadora prova do off-road brasileiro

sertoes-briefing-mitsubishi

O piloto Guilherme Spinelli e o navegador Youssef Haddad já contam os minutos para a largada da principal competição off-road do país. No dia 25 de julho, começa o Rally dos Sertões, a maior prova de rally do país e a segunda maior do mundo, atrás apenas do tradicional Rally Dakar.

Com a Equipe Mitsubishi Petrobras, a dupla já está pronta para a competição e tem cerca de um mês para finalizar os preparativos e toda a grande logística.

“É sempre muito bom disputar o Rally dos Sertões. A Dunas Race está de parabéns pelo formato de mais esta edição. Temos participado dos mais importantes rallys do mundo e posso afirmar, com total segurança, que o Sertões é uma das provas mais bem organizadas. E em vários aspectos, a melhor de todas. Estou muito animado para mais esse desafio”, destaca Spinelli, que é o maior vencedor do Sertões nos carros, com quatro vitórias.

O Rally dos Sertões terá nove etapas e passará por oito cidades: Goiânia, Pirenópolis, Porangatu, Minaçu, Uruaçu e Goianésia, no estado de Goiás, e Palmas e Natividade, no Tocantins. A prova terá uma etapa maratona, onde as equipes não podem receber auxílio externo, no quinto dia, entre Porangatu e Natividade.

“Conforme já esperávamos, pelas características da região onde o rally irá passar, o Sertões muda totalmente em relação ao ano passado”, destaca o navegador Youssef Haddad. “Neste ano teremos mais estradas de fazendas, serras, trilhas com pedras, muito mata burro e curvas de nível”, conta. Na prova do ano passado, a característica principal foram as areias da região nordeste.

Pela primeira vez, o trecho cronometrado será maior que os deslocamento. Ao todo, serão 4.115 quilômetros, com largada e chegada em Goiânia (GO), sendo que 2.488 km serão de especiais, o que equivale a 60,4% do total da prova. “O Sertões deste ano também demonstrou uma característica muito boa para os competidores: deslocamentos curtos e especiais longas”, conta Youssef.

As cidades de Uruaçu e Goianésia recebem a caravana do Rally dos Sertões pela primeira vez. Já Palmas pode ser considerada “veterana”, e teve a presença do rally por 12 vezes.

“Com isso, teremos muita pilotagem e navegação de roteiro, um retorno do Sertões à sua origem. Com certeza, é a promessa de mais uma prova muito difícil”, completa o navegador.

Outra novidade comemorada pela organização da prova é a inclusão de uma etapa em laço, ou seja, a disputa começa e termina na mesma cidade, sem a necessidade de deslocamento para as equipes de apoio. Isso acontecerá na sétima etapa, em Palmas, quando os competidores enfrentam a tradicional região do Jalapão, considerada muito técnica e um dos pontos altos do rally. A organização garante que irão para uma área totalmente nova e ainda inexplorada pelo Rally dos Sertões.

E este será um dos dias mais longos de toda a competição, com 746 quilômetros, sendo 514 km de trechos cronometrados. O dia mais curto será o primeiro, entre Goiânia e Pirenópolis, com 249 quilômetros e 84 km de especial.

“Particularmente gosto muito desse tipo de rally, com serras, estradas de fazenda e, certamente, muita pilotagem e navegação. Não vejo a hora de dar a largada”, afirma Guiga.

A prova começa com o prólogo no dia 25, em Goiânia (GO), onde serão definidas as posições de largadas para carros, caminhões, motos, quadriciclos e UTVs.

A equipe Mitsubishi Petrobras tem o patrocínio de Mitsubishi Motors, Petrobras, iCarros e URacer.

Equipe Mitsubishi Petrobras
Site: www.mitsubishipetrobras.com.br
Facebook: www.facebook.com/EquipeMitsubishiBrasil
Twitter: www.twitter.com/eqpmitsubishibr
YouTube: www.youtube.com/eqpmitsubishibr

Programação – Rally dos Sertões 2013
22/jul – Segunda-feira – Abertura Área de Box
23/jul – Terça-feira – Vistorias Administrativas e Técnicas
24/jul – Quarta-feira – Vistorias Administrativas, Técnicas e Briefings
25/jul – Quinta-feira – Etapa 01 – Prólogo – Goiânia (GO)
26/jul – Sexta-feira – Etapa 02 – Goiânia (GO) / Pirenópolis (GO)
27/jul – Sábado – Etapa 03 – Pirenópolis (GO) / Uruaçu (GO)
28/jul – Domingo – Etapa 04 – Uruaçu (GO) / Porangatu (GO)
29/jul – Segunda-feira – Etapa 05 – Porangatu (GO) / Natividade (TO) – Etapa Maratona
30/jul – Terça-feira – Etapa 06 – Natividade (TO) / Palmas (TO)
31/jul – Quarta-feira – Etapa 07 – Palmas (TO) / Palmas (TO)
1/ago – Quinta-feira – Etapa 08 – Palmas (TO) / Minaçu (GO)
2/ago – Sexta-feira – Etapa 09 – Minaçu (GO) / Goianésia (GO)
3/ago – Sábado – Etapa 10 – Goianésia (GO) / Goiânia (GO) – Premiação na chegada

Thiago Padovanni
Carolina Vasconcellos
Fernando Solano – Gerente de Comunicação
Foto: Theo Ribeiro / Mitsubishi