Dia de quebras para a MEM Motorsport

Marcos Moraes e Du Sachs batem em árvore e não completam o dia. Lucas e Kaique com problemas na embreagem e câmbio também forfetam

cuesta-sabado-mem

Botucatu, SP, 8 de junho de 2013 – No 1º dia de Cuesta Rally, as trilhas de Botucatu, no interior de São Paulo, surpreenderam as duplas da MEM Motorsport. Com 175 km de trecho cronometrado, a trilha sinuosa e escorregadia trazia lombas e curvas de nível perigosas. O trecho, estreito e margeado por árvores, não permitia nenhuma breve desatenção, e qualquer vacilo poderia significar fim de prova.

Acidente
Marcos Moraes e Du Sachs sobraram em um trecho de leve subida, seguido de uma curva de 45º graus em meio a eucaliptos, e ficaram pelo caminho.”Vinhamos em um ótimo ritmo de prova, estávamos no km 53, rodeados de eucaliptos em um trecho mais estreito. Como havia uma curva muito fechada em seguida, ao derrapar o carro para pendular não vi uma árvore e batemos a lateral direita traseira do T-REX. No impacto quebramos a suspensão na parte de baixo. A árvore bateu entre a roda e o chassi, e arrancou a bandeja”, explica Marcos.

Incidente
Lucas Moraes e Kaique Bentivoglio já largaram neste sábado com um penal de 15 minutos. Problemas com a embreagem do SherpaMem deram a impressão, em um primeiro momento, de uma pane elétrica. “Não tínhamos idéia do que acontecia. Aí, conseguimos largar, mas de cara, no primeiro km perdemos nossa embreagem. Seguimos trocando marcha no tempo, mas não conseguíamos ir além da 2ª e 3ª marcha. Dos 175km de hoje cumprimos assim 167, até o carro parar e não conseguir engatar mais nada. Demoramos conseguir voltar a andar, mas aí já era tarde, mesmo tendo completado a especial o tempo havia estourado e levamos um forfete”, conta Lucas.

Amanhã
Os dois carros da MEM, T-REX e SherpaMem, seguem em manutenção agora a noite e estarão no grid de largada deste domingo, para a 2ª etapa do Cuesta. Segundo a organização da prova, o roteiro mesclará setores de alta velocidade (com muitas retas), e áreas mais travadas com curvas. Saltos, pedras soltas, passagem por reflorestamento de eucalipto e 15 quilômetros de chão mais sujo, exigirão alerta máximo. Serão 202 km de trecho cronometrado.

Resultado
Com os problemas acima relatados, nenhum dupla MEM pontuou nesta etapa. A vitória do dia na geral e na categoria protótipo foi da dupla Romeu Franciosi e Rogério Almeida.

Confira a programação de amanhã:
09/06 – Domingo
Segunda prova:
7h às 8h30 – Secretaria de prova (Primar Plaza Hotel)
8h – Largada especial: motos, quadris e UTVs (Ginásio de Esportes)
10h30 – Largada especial: carros e caminhões (Ginásio de Esportes)
13h30 – Previsão de chegada
15h – Premiação (Primar Plaza Hotel)

Zarhi El Malek
Foto: Marcio Machado